segunda-feira, novembro 30, 2020

Reportagem do Terra da Gente vira tema de aula para alunos de Americana (SP)


A professora Tânia Agnezze assistiu a matéria sobre o do Dia das Aves e transformou ideia em atividade para as crianças durante as aulas online. A aluna Ana Luiza Xavier caprichou no desenho depois da atividade do Dia das Aves.
Divulgação Tânia Agnezze
A professora de literatura Tânia Dell Agnezze sempre adorou assistir o Terra da Gente. Há anos, junto com a família, vivenciou sábados recheados de muita aventura, pescaria e receitas.
“Sempre amei ver os pássaros nas matérias. A pesca era outra diversão, porque eu e meu pai pescávamos juntos e até hoje eu assisto a Hora do Rancho e testo as receitas em casa” , conta a moradora de Americana (SP), de 50 anos.
Até então as reportagens funcionavam como um hobby, um momento para relaxar e curtir o final de semana, até que algo diferente aconteceu no dia 03/10.
O joão-de-barro e a maritaca são aves comuns no dia a dia das crianças.
Divulgação Tânia Agnezze.
“Assisti a matéria da origem das aves e fiquei tocada. Pensei comigo mesma, por que não usar esse material tão informativo como tema de uma aula para os meus alunos?”, explicou Tânia.
Com a chegada da pandemia do novo coronavírus, a biblioteca onde a professora lecionava em uma escola municipal foi substituída pela tela de um computador.
Yasmin desenhou e coloriu uma bela arara-azul.
Divulgação Tânia Agnezze
Mesmo de maneira remota, a preocupação em educar os 270 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental permaneceu e novas atividades passaram a fazer parte da rotina da professora.
Eu tive que repensar a minha prática e aprender coisas novas para agradar meus alunos e conseguir passar o conteúdo de maneiras diferentes para que todos eles, com suas devidas particularidades, conseguissem entender. Usar o programa em vídeo foi um exemplo disso
Tânia, que é formada em letras e em pedagogia e ainda possui pós-graduação em educação, explica que toda semana elabora um roteiro de estudos a partir de atividades de leitura sequenciadas.
A professora de artes da mesma escola também resolveu participar da atividade.
Divulgação Tânia Agnezze.
A atividade do Dias das Aves veio logo após outra tarefa realizada sobre as árvores no final de setembro. Dessa vez os alunos precisaram ler um texto informativo sobre as aves, ler o poema “Passarinho no Sapé”, da Cecília Meireles, assistir a reportagem do Terra da Gente e ainda, para finalizar, responder algumas perguntas sobre o tema e desenhar os pássaros que conheciam.
Antes da pandemia, Tânia e os alunos em uma oficina de leitura no colégio, em Americana (SP).
Tânia Agnezze.
Segundo a professora, a atividade foi um sucesso: “Foi muito legal! Eu tenho um grupo no WhatsApp com as mães das crianças, porque às vezes é mais acessível compartilhar os materiais por lá. Todas deram um feedback muito bacana e as próprias crianças me mandaram mensagem”.
Frases das crianças depois da atividade proposta pela professora Tânia.
Arte TG
Com todas as dificuldades enfrentadas na área da educação durante os últimos meses, conseguir ajudar é um privilégio para o Terra da Gente.
Que as crianças continuem crescendo e aprendendo com profissionais como a Tânia que reforçam o combustível diário da carreira: “meu desejo é formar leitores que compreendam o texto . Quero que eles sejam críticos em relação aos problemas do mundo e que lutem pela conservação da natureza”, finaliza.

Ultimas Notícias

Rombo nominal do setor público em doze meses supera R$ 1 trilhão pela 1ª vez na história

Pela primeira vez na história o setor público brasileiro registrou um rombo nominal superior a R$ 1 trilhão. Dados...

Rússia inicia processo de vacinação com Sputnik V em Moscou

SÃO PAULO – Nesta segunda-feira (30), o governo russo anunciou que iniciará a vacinação da sua população com a Sputnik V, vacina desenvolvida por...

Lagarta colorida e ‘disfarçada’ de cobra é flagrada na cidade de Morro Agudo (SP)

Fabiana Montalvão se surpreendeu com o flagrante e com a estratégia do animal. Xylophanes pluto é uma...

Coronavírus: Campinas tem mais três mortes e total vai a 1.373; casos positivos chegam a 43.043

Balanço divulgado nesta segunda-feira (30) mostra mais 349 registros positivos da doença. Campinas soma 1.373 mortes por Covid-19 Carlos...

Sem provas, bolsonarista preso por ataques à democracia e STF mira o TSE

É extensa a lista de malfeitos e de acusações contra o militante bolsonarista Renan Sena. Ele já foi preso por ataques a ministros do...
- Advertisement -