quarta-feira, dezembro 2, 2020

CoronaVac será quatro vezes mais cara que vacina da gripe

A CoronaVac, vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac Life Sciences em parceria com o Instituto Butantan, em São Paulo, pode ser até quatro vezes mais cara do que a vacina contra gripe, também produzida pelo Butantan. A dose da CoronaVac custaria ao Ministério da Saúde 10,3 dólares (cerca de 59 reais, na cotação do dólar desta quinta-feira, 29). Para fator de comparação, a dose do imunizante contra a gripe é fornecida por 15,14 reais.

O valor da CoronaVac constava em um ofício enviado pelo ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, ao diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, na semana passada, oficializando a intenção do governo de adquirir 46 milhões de doses da vacina. Entretanto, a possível compra logo foi desautorizada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Caso o acordo entre o Ministério da Saúde e o Instituto Butantan para a compra da vacina contra o novo coronavírus seja algum dia oficializado, esse pode ser o imunizante mais caro fornecido pelo Instituto ao governo. Atualmente, o Butantan fornece seis vacinas para o Programa Nacional de Imunização (PNI): gripe, HPV, hepatite B, hepatite A, DTPa (contra difteria, tétano e coqueluche) e raiva. Destas, a mais cara é a da raiva, que custa 51,61 reais. A mais barata é a da hepatite B, com um valor de 1,9 real a dose.

Lembrando que o protocolo de imunização da CoronaVac exige a aplicação de duas doses da vacina, o que corresponde a um custo ainda maior0 reais por pessoa.

Nesta quinta-feira, 29, o Brasil registrou uma média móvel de 24.392 casos e 438 óbitos pela doença.

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Justiça nega recurso a vereadora de Monte Mor condenada por cobrar parte de salário de assessor

TJ-SP decidiu pela manutenção da perda dos direitos políticos e o ressarcimento dos...

Polícia Civil busca identificar envolvidos após homem ser arrastado por segurança da rodoviária de Campinas

Estado informou que caso não foi registrado, mas policiais começaram diligências na região. Mulher flagrou o momento em...

Covid: com 100% da UTI do Haoc lotada e sem profissionais parar abrir mais leitos, Indaiatuba contrata vagas em Campinas

Prefeito fez alerta sobre gravidade da doença na cidade em live nesta terça-feira (1); Secretaria de Saúde determinou...

MP denuncia à Justiça morador de condomínio em Valinhos que fez ofensas racistas a entregador

Promotora também pede condenação de Matheus Almeida Prado por danos morais. À época em que caso veio à...

Barroso determina que governo proteja os índios contra a pandemia

O ministro Luís Roberto Barroso, do STF, determinou em decisão que o governo instale, em 48 horas, barreiras sanitárias em três terras indígenas para...
- Advertisement -