terça-feira, novembro 30, 2021

Coronavírus: testagem de alunos e servidores de escolas estaduais em Campinas começa nesta terça


Exames devem contemplar 100 estudantes e todos os funcionários, afirma secretaria. Cinco unidades da cidade integram amostragem que reúne 20 cidades paulistas. O secretário estadual da Educação, Rossieli Soares
Reprodução/TV Globo
A testagem de alunos e servidores para Covid-19 em escolas estaduais em Campinas (SP) começa pela Escola Culto à Ciência, nesta terça-feira (20). De acordo com o governo de São Paulo, o secretário de Educação, Rossieli Soares, deve acompanhar o início dos trabalhos por volta das 9h na unidade localizada na região do Botafogo e estão previstos exames de 100 alunos e de todos os funcionários.
O estado prevê testes em 20 municípios paulistas, espalhados por todas as regiões, e em cada um são sorteadas cinco escolas.
As outras quatro escolas que vão receber testagem em Campinas são: Adalberto Nascimento, Carlos Lencastre, Professor Doutor Paul Eugene Charbonneau e Professor Milton de Tolosa. O total de exames não foi confirmado pelo governo estadual.
Covid-19: rede estadual de ensino começa a ser testada nesta terça (20) em Campinas
A retomada das aulas está autorizada desde 7 outubro no ensino médio, enquanto que a volta das atividades presenciais do ensino fundamental na rede paulista está prevista para 3 de novembro.
As unidades particulares tiveram o retorno permitido no início do mês, mas de forma facultativa e respeitando a capacidade máxima descrita no Plano São Paulo. Já a Prefeitura de Campinas descartou a retomada das aulas presenciais na rede municipal até dezembro, em virtude da pandemia.
Campinas contabiliza 36.140 moradores infectados, incluindo 1.287 mortes pela doença, até a última atualização, nesta segunda (19).
Amostragem
Em outubro, o Governo de São Paulo confirmou que 10 mil alunos e 9,3 mil servidores da educação vão ser submetidos aos exames da Covid-19. Segundo o Censo Escolar, a rede estadual tinha, no ano passado, 3,5 milhões de alunos no ensino básico, da creche ao ensino médio.
A rede de educação paulista conta com 315 mil servidores, dos quais 250 mil são professores e outros 65 mil funcionários atuam em funções administrativas ou técnicas. Os exames começaram a ser feitos semana passada e são do tipo RT-PCR, que verifica a presença do vírus no organismo no momento do exame e, portanto, identifica casos ativos da doença, mesmo que assintomáticos.
Movimentação na Escola Estadual Culto à Ciência, antes da pandemia
Fernando Evans/G1
PLAYLIST: Veja vídeos de outros assuntos de destaque da região de Campinas
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Como descobrir boas ofertas da Black Friday?

A Black Friday, em tradução para o portufues, sexta-feira preta, é um dia no ano que muitas pessoas aguardam...
- Advertisement -spot_img