domingo, novembro 28, 2021

Em atrito na área ambiental, Alemanha mira contratos militares no Brasil

Pressionado pela Alemanha na área ambiental, o governo de Jair Bolsonaro pode dar o troco nos europeus na área de Defesa.

A empresa alemã KMW tem feito lobby na Esplanada para convencer os militares do governo Bolsonaro a reformarem a frota de 300 tanques de guerra alemães Leopard-1A5.

Como o Radar já mostrou, as áreas técnicas da caserna avaliam duas possibilidades: modernizar as máquinas, o que garantiria mais alguns anos de operação, ou comprar tanques novos. A vida útil dos carros atuais termina em 2027.

O lobby alemão não deve ter sucesso, já que Israel e Turquia travam uma batalha silenciosa pelo projeto bilionário de renovação da frota.

 

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Como descobrir boas ofertas da Black Friday?

A Black Friday, em tradução para o portufues, sexta-feira preta, é um dia no ano que muitas pessoas aguardam...
- Advertisement -spot_img