segunda-feira, novembro 30, 2020

Partidos contabilizam baixas na reta final das eleições municipais

Uma consulta aos dados do TSE mostra o tanto de baixas que os dirigentes partidários precisam administrar ao longo da corrida eleitoral. Só entre as renúncias, foram 7.964 em todo o país até o momento. Já as candidaturas indeferidas somam mais 8.298 casos.

Os motivos para o indeferimento incluem o abuso de poder, gasto ilícito e conduta vedada, entre outros. Até o momento, o PT lidera o quadro, com 651 candidatos indeferidos. O MDB registra 493 e, na sequência, o PSL, com 433.

No caso das renúncias, quem lidera o quadro é o MDB, com 625. Depois figuram o PSD, com 551 e o PSDB com 513. Os candidatos podem alegar os mais diversos motivos para abdicar do pleito. Falta de apoio político ou recursos financeiros são os motivos mais comuns, mas a falta de planejamento também pode influenciar.

O levantamento foi realizado por Arthur Fisch, consultor de inteligência eleitoral da plataforma Confirma e pesquisador da FGV, onde participou do desenvolvimento da base de dados eleitorais CEPESPData.

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Covid-19: SP apertará quarentena após alta de casos

O Estado de São Paulo retrocederá na abertura de atividades após alta de internações e casos de Covid-19 nas...

Petista sobre ofensas de Joyce: ‘muito dolorido, quero apagar da memória’

Na semana passada, a deputada Joice Hasselman (PSL-SP) foi condenada a pagar a hoje vice-governadora do Piauí, Regina Souza, do PT, 40.000 reais por...

PATs oferecem 360 oportunidades de emprego em oito cidades da região de Campinas; veja lista

Destaque é para Indaiatuba (SP), que oferece 129 vagas. Devido à pandemia do novo coronavírus, atendimentos ocorrem pela...

Os avanços da ciência além da Covid-19

Nesse 2020 pandêmico cheio de incertezas, procuramos encontrar uma saída, uma vacina, um tratamento para a Covid-19. Em paralelo a tudo isso, há ainda...

Covid-19: Reino Unido pode começar vacinação em 7 de dezembro

A vacina da Pfizer desenvolvida em parceria com o laboratório de biotecnologia BioNTech pode ser o primeiro imunizante para Covid-19 a ser autorizado de maneira emergencial no...
- Advertisement -