terça-feira, dezembro 1, 2020

1º dia de visitas presenciais em presídios cumpre restrições e deixa familiares de fora no Complexo de Hortolândia


Entrada de visitantes é restrita a uma pessoa, entre 18 e 59 anos, por detento. Temperatura corporal e oxigenação são aferidas na entrada. Não é possível entregar sacolas comida e produtos de higiene. Presídios da região de Campinas retomam visitas a partir deste sábado (7)
O primeiro dia de visitas presenciais retomadas em presídios da região de Campinas (SP) teve pouca movimentação neste sábado (7) no Complexo de Hortolândia (SP), se comparado a fins de semana anteriores à pandemia do coronavírus. A entrada de pessoas segue restrições rígidas, e houve quem não pudesse entrar.
A visitação estava suspensa desde que a quarentena para conter o avanço da Covid-19 começou. Agora, pode ocorrer por duas horas, nos turnos da manhã e à tarde, com a entrada de uma pessoa por detento e sem permissão para entrega de sacolas com alimentos e produtos de higiene para os presos.
“Distanciamento tá certo, correto. Higienização também tá correta. [Teve] álcool em gel e as máscaras descartáveis que eles estão fornecendo.”, contou uma visitante após deixar a penitenciária.
Foi mantido o distanciamento de mais de 1 metro entre visitante e preso, ou seja, abraços não são permitidos.
Complexo Penitenciário Campinas Hortolândia
Reprodução/EPTV
Visitas íntimas segue proibidas e idosos também não estão com a entrada liberada. Somente pessoas com idades entre 18 e 59 anos, não gestantes, são autorizadas, mas precisam ter temperatura corporal e oxigenação no sangue aferidas.
“Hoje fiquei de fora. Por causa da idade, e eu tenho problema pulmonar. Então, a minha filha que tá no hall de visita. E eu creio que vai demorar um pouco ainda pra mim poder entrar.”, disse um idoso que foi barrado pelas medidas de restrição.
Divisão de visitantes por dia
De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), o Complexo Penitenciário Campinas Hortolândia se organizou com uma divisão dos visitantes por pavilhões, sendo os de números pares num dia e os ímpares, em outro.
O grupo da manhã entra às 9h e sai às 11h. Já para as pessoas que entrarem à tarde, o horário vai das 13h às 15h. Veja como funciona abaixo:
Sábado (7)
Pela manhã, celas finais 1, 3 e 5.
À tarde, celas finais 7 e 9.
Domingo (8)
Pela manhã, celas finais 0, 2 e 4.
À tarde, celas finais 6 e 8.
11 unidades prisionais na região
Veja abaixo as penitenciárias que voltam a receber visitantes:
Americana
Centro de Detenção Provisória (CDP)
Campinas
Centro de Detenção Provisória (CDP)
Centro de Progressão Penitenciária (CPP)
Penitenciária Feminina de Campinas
Hortolândia
Centro de Detenção Provisória (CDP)
Centro de Progressão Penitenciária (CPP)
Penitenciária II
Penitenciária III
Mogi Guaçu
Penitenciária Feminina
Mogi Mirim
Centro de Ressocialização (CR)
Sumaré
Centro de Ressocialização (CR)
PLAYLIST: Veja vídeos de assuntos de destaque na região de Campinas
Formas erradas e corretas de usar máscara de proteção contra o coronavírus
Arte/G1
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Desmatamento da Amazônia sobe 9,5% e atinge 11 mil km²

O desmatamento na Amazônia foi de 11.088 quilômetros quadrados (km²) entre agosto de 2019 e julho de 2020, divulgou...

Resgate de cão em bueiro mobiliza Guarda e Corpo de Bombeiros em Campinas

Animal foi retirado por uma guarda que é veterinária e levado a um abrigo, onde irá ficar em...

Chifre de touro perfura perna de professor veterinário em faculdade de Americana, SP

Homem de 50 anos foi encaminhado ao PS do Hospital São Lucas e não corre risco, segundo Corpo...

Polícia descobre desmanche de veículos e detém grupo em Campinas

Caso foi nesta segunda e peças foram achadas em imóvel no Parque Fazenda Santa Cândida. Desmanche fechado pela...

Novo prefeito terá ao menos 12 vereadores na base e espera oposição ‘aguerrida’ em Campinas

Dário Saadi deu entrevista ao G1 e EPTV e também abordou a relação que pretende estabelecer com os...
- Advertisement -