terça-feira, novembro 24, 2020

Lewandowski pede à Anvisa informações sobre testes da CoronaVac

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, deu 48 horas para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) preste informações sobre os critérios usados para os testes da vacina CoronaVac e o atual estágio de aprovação em que ela se encontra.

A vacina, produzida pelo Instituto Butantan, em São Paulo, está no centro de uma polêmica pelo anúncio da paralisação dos testes pela Anvisa.

Além das informações sobre a CoronaVac, Lewandowski também pede para que a agência dê notícias sobre o andamento das outras vacinas contra o coronavírus em fase de teste no Brasil.

O pedido foi feito, segundo o ministro, considerando “o relevante interesse público e coletivo discutido” na ação apresentada pelo partido Rede Sustentabilidade.

“Determino à Anvisa que, no prazo de 48 (quarenta oito) horas, observado o âmbito de sua autonomia técnica, preste informações complementares àquelas já ofertadas pela Presidência da República e pela Advocacia-Geral da União, acerca dos critérios utilizados para proceder aos estudos e experimentos concernentes à vacina acima referida, bem como sobre o estágio de aprovação desta e demais vacinas contra a Covid-19”, diz o ministro no despacho.

 

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Maior medo em voos é pegar Covid-19 de outras pessoas, diz pesquisa

Quando se trata do receio em pegar Covid-19, passageiros de aviões estão mais preocupados em serem infectados por outras...

Nova lei de falências deve acelerar recuperação de empresas, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reforçou confiança na recuperação econômica com a votação da nova lei das falências. O projeto deve ser votado...

VÍDEOS: EPTV 1 Campinas desta terça-feira, 24 de novembro

Veja as notícias de destaque nas regiões de Campinas e Piracicaba. Veja as notícias de destaque nas regiões...

Campinas tem média de 29 casos por mês de furto ou roubo relacionados ao transporte público

Dado da Secretaria de Segurança Pública mostra que, de janeiro até setembro deste ano, a cidade registrou 263...

Segurança dá tapa em celular e impede mulher de gravar vídeo sobre queixa em UPA; Campinas apura conduta

Caso foi na manhã desta terça-feira (24) na Unidade de Pronto-Atendimento São José. Mulher buscava informações sobre estado...
- Advertisement -