terça-feira, novembro 24, 2020

Parque de Sumaré em que árvore caiu e feriu grupo tinha outras oferecendo risco aos visitantes


Engenheiros florestais fizeram avaliação e condenaram algumas árvores, que foram cortadas. Uma das vítimas do acidente de sábado (7) precisou ser internada e teve constatada fratura no maxilar. Prefeitura de Sumaré faz vistoria em parque onde caiu árvore em cima de grupo de pessoas
Engenheiros florestais da prefeitura de Sumaré (SP) condenaram algumas árvores durante vistoria no parque público onde uma delas caiu e feriu um grupo de pessoas que realizava um piquenique no último sábado (7). Uma das vítimas, inclusive, precisou ser internada novamente e teve constatada uma fratura no maxilar.
Os profissionais que fizeram a vistoria no parque, que fica no bairro São Carlos, próximo ao Ribeirão Quilombo, analisaram árvores que tinham risco de queda, algumas delas com sinais de galhos secos, rachaduras e troncos ocos.
De acordo com a prefeitura, essas árvores que representavam riscos foram cortadas. Funcionários da administração realizaram um trabalho de limpeza e remoção de troncos e galhos para evitar novos acidentes.
Troncos e galhos cortados de árvores que poderiam oferecer risco aos visitantes de parque em Sumaré (SP)
Reprodução/EPTV
Internado
Ângela Ferreira, de 41 anos, uma das pessoas atingida pela queda da árvore, contou que o marido, Samuel, de 48 anos, começou a sentir fortes dores na região do rosto após o atendimento inicial e procurou o Hospital Estadual de Sumaré na terça-feira (10).
Em uma avaliação, os médicos constataram que a vítima, que chegou a ficar desacordada no dia do acidente, depois de ser atingido na cabeça e colidir contra a mesa de concreto do parque, está com uma fratura no maxilar e na mandíbula.
Em nota, a equipe do Hospital Estadual de Sumaré informou que o paciente foi avaliado por três equipes (trauma, neurologia e emergência), e aguarda a avaliação por uma cirurgia plástica, o que deve ocorrer nesta quinta.
Como a unidade não realiza esse tipo de procedimento, após a avaliação o paciente será liberado para procurar um local para a realização da cirurgia.
Ferido após a queda de uma árvore em parque público de Sumaré (SP), Samuel teve constatada fratura no maxilar e na mandíbula
Reprodução/EPTV
O acidente
A queda da árvore ocorreu no sábado (7). Segundo uma das vítimas, cinco pessoas foram atingidas e duas se feriram.
Segundo Ângela Ferreira, o grupo, formado por nove pessoas, sendo duas crianças, fazia churrasco em uma das mesas disponíveis no parque. Eles ouviram um estalo e a árvore caiu sobre o local. Nenhuma criança foi atingida.
Ainda segundo a mulher, ela e o marido tiveram escoriações e luxações. Ângela foi atingida nas costas e o marido na cabeça. Samuel chegou a ficar desacordado por cerca de cinco minutos, segundo a Ângela. O Corpo de Bombeiros prestou socorro às vítimas, que foram encaminhadas para a UPA Macarenko. O homem levou dois pontos na cabeça e 18 em todo o corpo.
“Eu peço um alerta, por favor autoridades, por favor prefeitura, visitem o local. É um local onde muitas pessoas frequentam, um local muito bom de se passar o dia, porém, está abandonado e aquelas árvores precisam ser inspecionadas”, reclama Ângela.
Após o acidente, a prefeitura de Sumaré, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, informou que realizou em outubro deste ano toda a poda e retirada de árvores condenadas e manutenção do local. “Porém, um galho de uma árvore que estava em boas condições cedeu e caiu no espaço onde a família estava reunida”, informou.
Árvore cai em cima de cinco pessoas em área de lazer de parque público em Sumaré (SP)
Ângela Ferreira/Arquivo Pessoal
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Reunião na Anvisa pode sacramentar pedido de uso emergencial de vacina

Os técnicos da Anvisa vão receber daqui a pouco representantes do AstraZeneca, responsável pelos estudos de uma das vacinas...

‘Diário de um ninho’: como está a vida do carcará que nasceu na janela de apartamento

Prestes a completar 20 dias de vida filhote de ave de rapina se mostra forte e moradora aponta...

Maior medo em voos é pegar Covid-19 de outras pessoas, diz pesquisa

Quando se trata do receio em pegar Covid-19, passageiros de aviões estão mais preocupados em serem infectados por outras pessoas nas aeronaves, de acordo...

Nova lei de falências deve acelerar recuperação de empresas, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reforçou confiança na recuperação econômica com a votação da nova lei das falências. O projeto deve ser votado...

VÍDEOS: EPTV 1 Campinas desta terça-feira, 24 de novembro

Veja as notícias de destaque nas regiões de Campinas e Piracicaba. Veja as notícias de destaque nas regiões...
- Advertisement -