sábado, janeiro 16, 2021

Campinas publica edital para inscrição de expositores da Feira de Natal do Centro de Convivência


Evento acontece entre os dias 4 e 23 de dezembro, de segunda a sexta, das 16h às 22h, além do dia 24, das 9h às 16h. Podem participar profissionais de segmentos como artesanato, antiguidade, artes e comida de rua. Feira do Centro de Convivência conta com diversas lojas em Campinas
Reprodução/EPTV
A Prefeitura de Campinas (SP) publicou, no Diário Oficial da manhã desta segunda-feira (23), o edital de cadastramento da Feira de Natal do Centro de Convivência Cultural do município. Podem participar expositores de segmentos como artesanato, antiguidade, artes visuais, artes plásticas e comida de rua. O período de inscrição termina no dia 30 de novembro. Veja abaixo como fazer
O evento acontece entre os dias 4 e 23 de dezembro, de segunda a sexta-feira, das 16h às 22h, além do dia 24, das 9h às 16h. A presença dos expositores na véspera de Natal é facultativa, segundo a administração. A edição de Natal não vai interferir no funcionamento da feira regular do Centro de Convivência, que acontece aos finais de semana.
Leia o decreto na íntegra e veja as regras
De acordo com o decreto, a inscrição pode ser feita por participantes permanentes da Feira do Centro de Convivência, expositores visitantes ou profissionais que são enquadrados como Microempreendedores Individuais (MEIs).
No caso dos profissionais que participam permanentemente da feira do Centro de Convivência, a inscrição deve ser feita de forma presencial, na Estação Cultura, desta segunda-feira até sexta, das 9h às 12h, e das 13h às 16h. Para os outros expositores, os cadastros devem ser realizados exclusivamente pela internet até o dia 30 de novembro.
Quais são os segmentos permitidos?
Antiguidades, Colecionismo, Produtos Vintages e Brechós Históricos;
Artes Visuais e Artes Plásticas;
Artesanatos;
Bem-Estar, Esotéricos e Holísticos;
Produtos;
Serviços;
Comidas de Rua;
Costuras Criativas;
Produtos Autorais e com Identidade;
Sustentabilidade e Produtos Alimentares de Origem Orgânica e Artesanal;
Sustentabilidade;
Produtos Alimentares de Origem Orgânica;
Produtos Alimentares de Origem Artesanal.
VÍDEOS: mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Bolsonaro vai a festa infantil sem máscara

O presidente Jair Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada na tarde deste sábado, 16, para ir a uma festa...

CoronaVac: imunidade coletiva requer vacinação de 162 milhões, diz estudo

Cerca de 162 milhões de brasileiros, aproximadamente 99% da população “vacinável” contra Covid-19 no país, devem receber o imunizante CorovaVac, para que seja atingida...

Daria para ter evitado a tragédia no Amazonas

por Editorial de O Globo (16/1/2021) O pior aspecto da tragédia causada pelo novo coronavírus em Manaus é que ela era não apenas previsível, mas...

Acredite, se quiser

Este blog perguntou no Twitter: E aí? Melhorou o desempenho do governo Bolsonaro no combate à pandemia do coronavírus? Respostas de 9.316 leitores:   Melhorou muito – 58,8% Só...

Avião que buscaria vacina na Índia agora levará oxigênio para Manaus

O voô brasileiro que iria buscar as 2 milhões de doses da vacina de Oxford, na Índia, foi cancelado e redirecionado para combater a...
- Advertisement -