sábado, janeiro 16, 2021

Últimas notícias de coronavírus na região de Campinas em 12 de dezembro


Veja atualização em cada município da área de cobertura do G1. Confira as últimas notícias sobre o coronavírus na região
Hellen Souza/ Arte-G1
A região de Campinas (SP) volta a ter restrições para conter o avanço do coronavírus a partir deste sábado (12).
Por 30 dias, o comércio poderá funcionar por 12 horas, bares serão obrigados a fechar às 20h e venda de bebidas alcóolicas também fica restrita até as 20h.
As medidas foram determinadas pelo Governo de São Paulo nesta sexta (11) e valem para todo o estado.
A mudança ocorre dentro da fase amarela do Plano SP e pode ser prorrogada, com o objetivo de manter a economia em movimento neste fim de ano, mas reduzindo as chances de aglomerações.
Casos e mortes
Desde o início da pandemia, já foram contabilizados 108.943 registros positivos da doença nos 31 municípios da área de cobertura do G1 Campinas. Além disso, ocorreram 3.026 mortes em 30 cidades – a exceção é Monte Alegre do Sul (SP).
MAPA: casos de coronavírus pelo Brasil
Coronavírus: veja perguntas e respostas
Veja o que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus
Na sexta-feira (11), Campinas elevou para 1.409 o número de pessoas que morreram por complicações da Covid-19. Foram três novos óbitos confirmados nas últimas 24 horas, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nesta sexta. O total de moradores infectados subiu para 45.989 após mais 209 registros.
Em coletiva, o secretário de Saúde, Carmino de Souza fez um alerta para que sejam evitadas aglomerações nas festas de fim de ano.
“A gente recomenda realmente não fazer aglomerações. A gente está perto de resolver a situação. O Natal de 2021 será diferente do Natal de 2020, mas esse Natal de 2020 nós temos que nos proteger, fazer distanciamento social se for possível.”
“Se puder ficar em casa e fazer os cumprimentos de maneira remota, é melhor. No Ano Novo também, nem preciso dizer que aquelas grandes aglomerações nas praias são totalmente contraindicadas. O aumento na Europa se deve principalmente a isso, então temos que nos cuidar.”, completa.
Leitos UTI Covid
Campinas (SP) registrou, também na tarde de sexta-feira, ocupação de 84,467% dos leitos exclusivos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento da Covid-19. É o maior número de internados na cidade desde 29 de setembro. Das 193 vagas abertas nas redes pública e privada, 163 estão ocupadas e 30 livres, sendo que nove são pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Em relação ao boletim do dia anterior, houve um aumento de seis internações, sendo quatro em leitos do SUS municipal e dois em hospitais privados.
VÍDEOS: mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias
Formas erradas e corretas de usar máscara de proteção contra o coronavírus
Arte/G1
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.

Ultimas Notícias

Oxford: Voo que buscaria 2 milhões de doses da vacina na Índia é cancelado

O voô brasileiro que iria buscar as 2 milhões de doses da vacina de Oxford, na Índia, foi cancelado....

Philco doa todo seu estoque de oxigênio para Manaus

A Philco anunciou nesta sexta-feira, 15, a doação de “100% de seu estoque atual de oxigênio” ao governo do Amazonas. O material é utilizado...

Manaus: ‘não cumprimento das restrições’ levou a situação atual, diz OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse nesta sexta-feira, 15, que a situação crítica em toda a América do Sul, incluindo Manaus, não deve...

Cidades do interior do Amazonas fazem apelo por oxigênio medicinal

A situação das cidades do interior do Amazonas está indo pelo mesmo caminho de Manaus — que sofre com a falta de oxigênio em...

Pacientes de Manaus enviados para Teresina estão em área isolada

Por conta do desabastecimento de oxigênio em Manaus, capital do Amazonas, fez se necessário transferir pacientes para outras regiões brasileiras. O primeiro grupo a...
- Advertisement -