quarta-feira, janeiro 20, 2021

Covid-19: governo reafirma que laboratórios não pediram registro da vacina

O Ministério da Saúde reafirmou nesta quinta-feira, 17, que não há data estabelecida para início da vacinação contra a Covid-19 no Brasil. De acordo com a pasta, um cronograma só pode ser definido após a aprovação de um imunizante pela Anvisa. No entanto, até o momento, nenhuma empresa solicitou o uso emergencial nem o registro da vacina.

“Assim, as notícias veiculadas que citam o dia 21 de janeiro como uma possível data para o início da campanha de imunização não são verdadeiras.”, afirmou o Ministério da Saúde em comunicado.

A pasta ressalta que memorandos de intenção de compra já foram firmados com diversas empresas. Na semana passada, o governo assinou a carta de intenção de compra de 70 milhões de doses da vacina da Pfizer, mas o acordo ainda não foi oficializado.

Ultimas Notícias

Sem IFA, Fiocruz admite impacto em cronograma de produção da vacina

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), responsável no Brasil da vacina contra o coronavírus de Oxford-AstraZeneca,  admitiu nesta terça-feira que...

Quem teve Covid-19 precisa ou não tomar a vacina?

O senador Flávio Bolsonaro disse nesta segunda-feira que como já teve Covid-19 e sua “taxa de imunidade é alta”, foi recomendado a não tomar...

São Paulo e Bahia saem na frente na corrida da vacinação no Brasil

Dois estados brasileiros se destacaram no primeiro dia de vacinação após todo o território nacional receber as doses da Coronavac, o imunizante desenvolvido pela...

AGU desbloqueia imóvel da Fiocruz que será utilizado para fabricar vacina

A Advocacia-Geral da União (AGU) conseguiu reverter uma decisão da Justiça do Trabalho da Bahia que havia determinado a indisponibilidade do imóvel onde funciona...

Luciano Hang é internado em SP com Covid-19

O empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan e apoiador de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro, está internado em São Paulo...
- Advertisement -