quarta-feira, janeiro 20, 2021

Vacina: teste mostra que governo tem 99% de ineficácia

O plano de vacinação apresentado pelo governo inclui a aplicação de chá de limão, alho e três pulinhos contra a Covid.

O governo disse que já comprou todas as vacinas, mas o cachorro comeu a nota fiscal e por isso tem de comprar tudo de novo. Brasileiros já podem tomar a sua dose. De paciência.

O general Pazuello não pode esclarecer detalhes do plano porque perdeu a tartaruga de que foi encarregado de tomar conta e tinha de procurar. “Esse bicho é muito rápido, cega a gente”, disse ele. Já Bolsonaro afirmou que não vai tomar, além de vergonha na cara, qualquer vacina. Mas ele garante que os brasileiros vão tomar muito bem tomado.

Publicado em VEJA de 23 de dezembro de 2020, edição nº 2718

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Sem IFA, Fiocruz admite impacto em cronograma de produção da vacina

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), responsável no Brasil da vacina contra o coronavírus de Oxford-AstraZeneca,  admitiu nesta terça-feira que...

Quem teve Covid-19 precisa ou não tomar a vacina?

O senador Flávio Bolsonaro disse nesta segunda-feira que como já teve Covid-19 e sua “taxa de imunidade é alta”, foi recomendado a não tomar...

São Paulo e Bahia saem na frente na corrida da vacinação no Brasil

Dois estados brasileiros se destacaram no primeiro dia de vacinação após todo o território nacional receber as doses da Coronavac, o imunizante desenvolvido pela...

AGU desbloqueia imóvel da Fiocruz que será utilizado para fabricar vacina

A Advocacia-Geral da União (AGU) conseguiu reverter uma decisão da Justiça do Trabalho da Bahia que havia determinado a indisponibilidade do imóvel onde funciona...

Luciano Hang é internado em SP com Covid-19

O empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan e apoiador de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro, está internado em São Paulo...
- Advertisement -