quinta-feira, março 4, 2021

Após perseguição, PM prende dupla suspeita de furtar rodas e pneus em Campinas


Acompanhamento teve início na Rodovia D. Pedro I e terminou com abordagem no Jardim Boa Esperança. Seis estepes foram localizados no interior do veículo dos suspeitos. Seis estepes foram recuperados dentro do veículo dos suspeitos
Base de Aviação de Campinas/Divulgação
Agentes da Polícia Militar (PM) prenderam, na tarde deste domingo (14), dois homens suspeitos de roubar rodas e pneus na região de Campinas (SP), após uma abordagem no bairro Jardim Boa Esperança. Não há informações de feridos.
Segundo a corporação, viaturas da Polícia Rodoviária começaram a acompanhar o veículo dos suspeitos na altura do km 133 da Rodovia D. Pedro I (SP-065). Além das viaturas, o helicóptero Águia também foi acionado para prestar apoio à ocorrência.
No interior do veículo da dupla, os policiais recuperaram seis estepes, além de ferramentas que seriam utilizadas nos furtos. De acordo com a Polícia Rodoviária, os homens retiravam as rodas e pneus de veículos estacionados em shopping centers.
O boletim de ocorrência estava em andamento até o encerramento dessa reportagem.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Toxina de taturana é usada em pesquisas na área médica e farmacológica

Espécie 'Megalopyge albicollis', também chamada de lagarta-de-fogo é encontrada em vários jardins; contato com humanos pode causar...

Polícia Federal apreende cerca de 400 mil cigarros contrabandeados no Terminal Central de Campinas

Uma pessoa que trabalhava no local está sendo ouvida pela Polícia Federal. Polícia Federal apreende 400 mil cigarros contrabandeados em Campinas A...

Covid-19: Campinas define abertura de 30 leitos no Hospital Metropolitano até segunda-feira

Administração diz que pacote inclui 10 leitos de UTI e 20 de enfermaria na unidade particular que está sob intervenção. Governo ainda...

Pai de menina de 13 anos morta por síndrome pós-Covid alerta que filha não teve sintomas de coronavírus: 'Se importem'

Paulo César Santos, de 50 anos, afirma que família contraiu Covid-19 entre dezembro e janeiro, mas que a...
- Advertisement -