segunda-feira, maio 17, 2021

Campinas faz Dia D contra a gripe para vacinar profissionais de saúde neste sábado, 24 de abril


Ação é exclusiva para este público em 10 Centros de Saúde, que ficarão abertos das 8h às 17h. Crianças com menos de 6 anos, grávidas e mulheres que tiveram parto recente podem procurar outras unidades. A vacina protege contra as influenzas A (H1N1), A (H3N2) e B
Andrea Rego Barros
A Secretaria de Saúde de Campinas (SP) promove neste sábado (24) o Dia D de vacinação contra a gripe para imunizar os profissionais de saúde da metrópole. Dez Centros de Saúde ficarão abertos das 8h às 17h para a aplicação das doses neste grupo.
Os trabalhadores da área integram a primeira etapa da campanha, que também abrange, este ano, crianças com mais de 6 meses e menos de 6 anos, grávidas e mulheres que tiveram parto em até 45 dias (puérperas). Para essas pessoas, as unidades que usualmente abrem aos sábados estarão vacinando das 8h às 12h. Veja os locais abaixo.
Campanha contra gripe começou em 12 de abril; veja cronograma de grupos de risco
Até esta quinta (22), portanto em dez dias de vacinação, 25.994 pessoas foram imunizadas. A meta é imunizar 90% do público-alvo, que é de 145 mil moradores e trabalhadores da saúde nesta primeira etapa. Foram vacinados em dez dias:
16.778 crianças – total do público-alvo é de 79,7 mil
2.153 gestantes – total do público-alvo é de 11 mil
491 puérperas – total do público-alvo é de 1,8 mil
6.572 profissionais de saúde – total do público-alvo é de 52,5 mil
Este ano, a dose única do imunizante, produzido pelo Instituto Butantan, protege contra Influenza A – H1N1, Influenza A – H3N2 e Influenza B.
Onde profissionais de saúde tomam a vacina neste sábado:
CS Paranapanema
CS São José
CS Taquaral
CS Sousas
CS Aurélia
CS Barão Geraldo
CS Campos Elíseos (Tancredão)
CS São Cristóvão
CS Pedro Aquino (Balão do Laranja)
CS Satélite Iris 1
Os profissionais de saúde devem levar um documento de identidade com foto e um comprovante de atuação profissional. Quem tiver carteira de vacinação, deve levar também.
“Documento do conselho de classe, contrato de trabalho, contrato de prestação de serviços, holerite, crachá (desde que contenha informações como nome do estabelecimento, nome e sobrenome da pessoa e cargo ou função), declaração emitida pelo serviço de saúde que comprove o vínculo empregatício da pessoa, entre outros”, informou a prefeitura sobre a necessidade de comprovar trabalho na área.
Onde crianças, gestantes e puérperas tomam a vacina neste sábado:
CS Parque Valença
CS Florence
CS Capivari
CS Santa Lúcia
CS Vista Alegre
CS União dos Bairros
CS DIC 1
CS Santo Antônio
CS Vila Ipê
CS São Quirino
CS Jardim Aurélia (atende aos dois grupos)
Próximas etapas da campanha contra gripe
A campanha contra gripe vai até 9 de julho em todo o Brasil. A meta do Ministério da Saúde é atingir 90% dos 16 grupos prioritários, que receberão a dose em três etapas. Veja o cronograma abaixo:
1ª etapa — de 12 de abril a 10 de maio: crianças, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde
2ª etapa — de 11 de maio a 8 de junho: idosos e professores
3ª etapa — de 9 de junho a 9 de julho: demais grupos prioritários
VÍDEOS: Veja o que é destaque na região de Campinas
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Cidades da região de Campinas retomam vacinação contra Covid para grávidas e puérperas

Americana e Sumaré retomaram a imunização nesta segunda (17). Já Indaiatuba e Paulínia...

Filha de vítima de feminicídio em Piracicaba relata trauma do crime: 'saber que sou filha do assassino é difícil'

Crime ocorreu em 2019. Psicanalista diz que filhos de mulheres que foram mortas de forma violenta devem ter...

Santo Antônio de Posse aciona polícia após perder R$ 30 mil com furto de cabos que parou serviço de água; vídeo mostra crime

Câmera registrou momento em que furto é praticado por dois suspeitos, que ainda não foram localizados. Sem chuvas significativas há 71 dias,...

Trabalhar mais de 55 horas por semana aumenta risco de morte, diz estudo

O trabalho dignifica o homem, diz o ditado. Trabalhar demais, no entanto, pode levá-lo a uma morte prematura por doenças do coração ou um...

Trabalhar demais pode matar do coração ou de AVC, diz estudo

O trabalho dignifica o Homem, diz o ditado. Trabalhar demais, no entanto, pode levá-lo a uma morte prematura por doenças do coração ou um...
- Advertisement -