terça-feira, abril 13, 2021

Campinas publica decreto com novas restrições para comércios essenciais e criação de barreiras sanitárias; veja as regras


Medidas constam no Diário Oficial desta quinta-feira (25) e começam a valer na sexta. Vista aérea da Prefeitura de Campinas
João Mauricio Garcia/G1
A Prefeitura de Campinas (SP) publicou nesta quinta-feira (25) o decreto que amplia as medidas restritivas na quarentena para conter a Covid-19. As novas regras, que valem a partir de sexta (26), permitem a presença de apenas uma pessoa por família em serviços como supermercados e padarias. Outra mudança é a exclusividade do drive-thru para comércios de alimentação.
Leia a publicação com todas as regras aqui
Outra medida definida no texto, que vai vigorar até 4 de abril, é a realização de barreiras sanitárias nas entradas da cidade para abordar e questionar os motoristas sobre a necessidade da circulação. Os locais nos quais ocorrerá a orientação não estão descritos no decreto.
A prefeitura também determinou o fechamento de concessionárias e lojas de vendas de veículos, além do atendimento apenas em casos de urgência e emergência de clínicas veterinárias e pet shops, serviços de manutenção predial e assistência técnica de equipamentos.
As demais regras do toque de recolher na fase emergencial seguem em vigor. Veja, no vídeo abaixo, o que muda.
Campinas cria novas restrições a serviços essenciais para conter pandemia
O que muda:
Padarias, supermercados, atacadistas e comércios em geral que vendam gêneros alimentícios e produtos de limpeza: presencial até as 20h (com limite de uma pessoa por família), podendo atender delivery até o limite de horário regular do estabelecimento.
Comércios e prestadores de serviço: atendimento somente por delivery até o limite de horário regular do estabelecimento
Concessionárias e lojas de vendas de veículos: fica proibido o atendimento presencial;
Clínicas veterinárias e pet shops: atendimento apenas para casos de urgência e emergência;
Manutenção predial, elétrica e hidráulica: apenas casos de urgência e emergência;
Serviços de assistência técnica: atendimento apenas para casos emergenciais, para equipamentos médicos/hospitalares, e relacionados às atividades de trabalho.
Leitos
Em live realizada na quarta-feira, o prefeito de Campinas (SP), Dário Saadi (Republicanos), anunciou a abertura de mais cinco leitos de UTI Covid foram abertos no Hospital Mário Gatti e que outros cinco, no Hospital Metropolitano, unidade ocupada pela administração, estão em processo de abertura – a dificuldade está na montagem das equipes de saúde.
Presidente da Rede Mário Gatti, Sérgio Bisogni destacou que Campinas está próximo do limite do número de leitos que a rede municipal pode abrir, restando a ampliação pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nas unidades de gestão estadual, como o hospital de campanha no AME.
AME Campinas volta a ser exclusivo para Covid-19 a partir desta quinta com abertura de cinco leitos de enfermaria
Segundo Bisogni, a rede municipal poderia instalar ainda mais 10 leitos de UTI Covid no Hospital Mário Gatti, mas encontra muitas dificuldades para a contratação de profissionais especializados: médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e fisioterapeutas.
Além dessas vagas, a prefeitura conta ainda com a abertura do Hospital de Campanha na sede do Patrulheiros, com estrutura de 36 leitos de enfermaria. Nesse caso, há dificuldade para a instalação de tanque de oxigênio no local.
A Rede Mário Gatti estuda, se necessário, levar a estrutura para dentro do Hospital Ouro Verde. “Aí atingiríamos nosso limite”, avisa.
Sérgio Bisogni, presidente da Rede Mário Gatti
Manoel de Brito/Prefeitura de Campinas
Fiscalização
Na transmissão online, o secretário de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública, Christiano Biggi, apresentou dados da fiscalização realizadas durante o toque de recolher em Campinas. Até a terça-feira (23) foram abordados 2.695 veículos e 4.721 pessoas foram orientadas sobre as medidas sanitárias contra a Covid-19 em vigor desde o dia 18 de março.
Segundo o secretário, nos últimos seis dias da ação, 447 estabelecimentos foram fiscalizados, sendo que 127 foram fechados e 29 lacrados por crime contra a saúde pública ao descumprir as medidas sanitárias vigentes.
O secretário destacou que as barreiras sanitárias que serão implantadas a partir de sexta estarão nos principais acessos e corredores de Campinas, mas não detalhou os locais.
Campinas durante fase emergencial do Plano SP
Adriano Rosa / PMC
Veja as regras da fase emergencial e do toque de recolher
Serviços de alimentação (padarias, supermercados, lojas de conveniência): devem encerrar as atividades presenciais às 20h – acesso de apenas uma pessoa por família.
Serviços de drive-thru (apenas para alimentação): encerrar às 20h.
Delivery só pode ser feito dentro do horário de funcionamento estabelecido em alvará.
Proibida a retirada na porta dos estabelecimentos.
Lojas de materiais de construção não podem atender presencialmente.
Celebrações religiosas coletivas proibidas, mas recepção pode ser individual.
Multa de 800 UFICs (R$ 3,5 mil) para responsáveis por festas clandestinas ou reuniões familiares com mais de 10 pessoas.
Lacração imediata e multa de 800 UFICs (R$ 3,5 mil) para estabelecimentos flagrados funcionando em desacordo com as regras do município.
Condução do responsável pela organização da festa clandestina, da reunião familiar ou estabelecimento flagrado em desacordo até a delegacia de Polícia Civil, para registro de termo circunstanciado de ocorrência com base no artigo 268 do Código Penal (descumprimento de medida sanitária).
Abordagem de pessoas circulando após as 20h, educativa, com orientação para retorno ao domicílio.
Bloqueios em pontos estratégicos por ação integrada da Guarda Municipal e polícias Militar e Civil.
Uso do sistema de câmeras e leitores de placas para identificar aglomerações de veículos.
Proibição do uso de praias e parques.
Proibição de atividades esportivas.
Proibição de qualquer aglomeração.
Obrigação do uso de máscara em todos os ambientes, internos e externos.
Teletrabalho é obrigatório para atividades administrativas não essenciais.
VÍDEOS: veja o que é destaque na região de Campinas
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Avião da Azul faz pouso de emergência no Galeão após piloto relatar fumaça a bordo

Dois passageiros que se sentiram mal durante a situação precisaram ser atendidos pelo...

DIG prende suspeito e apreende fios roubados que seriam trocados por drogas em Indaiatuba

Policiais civis também localizaram porções de entorpecentes, simulacro de revólver, faca e cerca de R$ 2,5 mil em...

Em 100 dias, rede municipal atende o equivalente a 11% da população de Campinas com suspeita de Covid-19

Percentual representa cerca de 133 mil pessoas que procuraram consulta médica em UBSs, UPAs ou nos hospitais mantidos...

Campinas abre agendamento da vacinação contra Covid-19 para maiores de 67 anos

Cadastro deve ser feito no site, onde será informado horário e local de aplicação. Cidade conta com cinco...

Banco de leite da Maternidade em Campinas atinge nível mais crítico da pandemia; veja como doar

Hospital tem estoque de 139 litros, volume 30,5% inferior aos 200 indicados como mínimo ideal, e reivindica doações....
- Advertisement -