terça-feira, abril 13, 2021

Campinas registra março mais chuvoso em 3 anos, mas fica abaixo da média no 1º trimestre


Metrópole encerrou mês com 81,3 mm de precipitações. Cepagri da Unicamp destaca ‘atenção’ sobre indicador após cidade ter quinto verão seguido com menos chuvas do que o esperado. Campinas tem março mais chuvoso em 3 anos
Marcello Carvalho / G1
Campinas (SP) teve o mês de março mais chuvoso em três anos, mas encerrou o trimestre abaixo da média histórica pelo quinto ano seguido, de acordo com o Centro de Pesquisas Meteorológicas da Unicamp (Cepagri). O indicador volta a ser tratado como “sinal de atenção” pela instituição, uma vez que a metrópole também já havia fechado o verão com menos precipitações do que o esperado.
O volume contabilizado no terceiro mês de 2021 foi de 81,3 mm. O total representa um aumento de 71,5% sobre os 47,4 mm verificados no mesmo período do ano passado, mas fica distante da média histórica de 165,2 mm considerada desde a década de 1990. Em 2019, a quantidade foi de 78,7 mm.
Antes de 2021, o mês de março mais chuvoso foi o de 2018, com 81,5 mm. Já a última vez que o indicador ficou acima da média, destaca o Cepagri, foi em 2016, quando totalizou 217,4 mm.
Os dados mostram ainda que houve uma série de diminuições do volume entre 2015 e 2020, e que o total deste ano é inferior, por exemplo, ao verificado no ano de 2014, marcado pela crise hídrica.
É um sinal de atenção, ficamos mais vulneráveis de acordo com as chuvas da primavera e verão em 2021 e 2022. Vai aumentando o risco e, se não tiver um volume importante, a nossa situação fica complicada. Mas tem ainda esse ano e vamos observando”, avalia a pesquisadora Ana Ávila.
Primeiro trimestre
A metrópole fechou o primeiro trimestre com volume acumulado em 518,3 mm, o quinto ano abaixo da média histórica de 637,2 mm. Em janeiro e fevereiro, a cidade também ficou abaixo dos referenciais.
Média de janeiro – 277,6 mm
Janeiro de 2021 – 178 mm
Média de fevereiro – 198,3 mm
Fevereiro de 2021 – 259 mm
Em relação às temperaturas, o trimestre terminou com média mínima de 19,1ºC, e média máxima de 30,9º C. Os indicadores são próximos da série histórica, e mais elevados do que os valores de 2020.
Médias históricas no 1º trimestre: 19.6ºC (mínima) e 30,3ºC (máxima)
Médias no 1º trimestre de 2020: 18,8ºC (mínima) e 29,9ºC (máxima)
Verão 2020-2021
Durante o verão, o Cepagri registrou 624,5 mm de precipitação, volume que significa 53,8 mm a menos do que a média histórica de 678,3 mm. O resultado é praticamente idêntico ao de 2020, mas segue distante da quantidade de chuva registrada em 2016, quando o centro contabilizou 870,4 mm.
Expectativas sobre outono
Segundo o Cepagri, a expectativa é de que o volume de precipitações no outono fique na média histórica, estimada em cerca de 162 mm, ou um pouco abaixo. Em 2020, o volume foi de 83 mm após Campinas ter o mês de abril com a maior estiagem em 130 anos, de acordo com dados do centro.
Em 20 de fevereiro, o coordenador de projetos do Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ), José Cezar Saad, afirmou que a bacia hidrográfica administrada pela entidade registrou chuvas 12% menores que a média histórica do verão. Agora, a preocupação é com o índice de chuvas do outono, que pode definir o curso do abastecimento na região.
“Se, porventura, acontecer de chover no outono bem abaixo da média, nós podemos começar a ficar muito preocupados, porque o período seguinte é o inverno, que normalmente já é um período muito seco. […] Nós temos que estar sempre atentos, acompanhando e tomando medidas para amenizar e minimizar os impactos das poucas chuvas que possam acontecer”, destaca.
Playlist: tudo sobre Campinas e região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.

Ultimas Notícias

Avião da Azul faz pouso de emergência no Galeão após piloto relatar fumaça a bordo

Dois passageiros que se sentiram mal durante a situação precisaram ser atendidos pelo...

DIG prende suspeito e apreende fios roubados que seriam trocados por drogas em Indaiatuba

Policiais civis também localizaram porções de entorpecentes, simulacro de revólver, faca e cerca de R$ 2,5 mil em...

Em 100 dias, rede municipal atende o equivalente a 11% da população de Campinas com suspeita de Covid-19

Percentual representa cerca de 133 mil pessoas que procuraram consulta médica em UBSs, UPAs ou nos hospitais mantidos...

Campinas abre agendamento da vacinação contra Covid-19 para maiores de 67 anos

Cadastro deve ser feito no site, onde será informado horário e local de aplicação. Cidade conta com cinco...

Banco de leite da Maternidade em Campinas atinge nível mais crítico da pandemia; veja como doar

Hospital tem estoque de 139 litros, volume 30,5% inferior aos 200 indicados como mínimo ideal, e reivindica doações....
- Advertisement -