quarta-feira, maio 5, 2021

Campinas tem redução em homicídios e aumento nos furtos e estupros em março, diz SSP


Diretor do Deinter 2 fala sobre impactos da pandemia da Covid-19 nas estatísticas criminais da metrópole divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública nesta sexta (23). Viatura da Polícia Militar faz fiscalização na primeira noite do toque de recolher em Campinas
Alexandre de Jesus/EPTV
A Polícia Civil de Campinas (SP) registrou em março redução nos registros de assassinatos, mas alta nas ocorrências de furtos e estupros na comparação com o mesmo período de 2020. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (23) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo.
Em relação aos homicídios dolosos, foram registrados cinco casos em março de 2021, contra 11 do mesmo mês do ano anterior, uma redução de 54,5%.
O delegado José Henrique Ventura, diretor do Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior (Deinter 2), destaca que a queda nos dados passa pela maior efetividade no combate ao tráfico de drogas, intensificado durante a pandemia da Covid-19 quando queda em crimes de diversas naturezas.
“Essa queda está relacionada ao trabalho que tem sido feito no combate ao tráfico, principalmente nas regiões mais críticas, como a do distrito do Campo Grande, e que tem resultado na identificação e prisão de autores e mandantes de muitos desses assassinatos”, pontua.
Furtos
Sobre as estatísticas sobre furtos, tanto os gerais (celular, dinheiro, objetos) como de veículos, Ventura ressalta que, durante a pandemia, houve queda nas ocorrências, principalmente nos períodos de maior restrição, mas que o advento da delegacia eletrônica tem aumentado os relatos, diminuindo a subnotificação.
Considerando apenas os dados de março (2021 x 2020), houve aumento de 18,2% nos furtos de veículo e de 2,5% nos furtos em geral.
“No geral, a gente sentiu um pouco essa retomada, principalmente celulares, bicicletas, furtos de oportunidade. Mas também estamos com uma notificação mais concreta. O pessoal tem feito a grande maioria das ocorrências de forma online”, explica.
Em relação aos roubos, houve aumento nas ocorrências relacionadas a cargas, mas queda nos assaltos em geral e de veículos. Veja abaixo.
Crimes contra o patrimônio – Campinas
Estupros
Em relação as ocorrências de violência sexual, a SSP aponta o registro de 13 casos, contra 11 em março de 2020. Desses, nove foram estupro de vulnerável.
Considerando os dados do primeiro trimestre, já são 58 boletins de ocorrência de estupro, contra 42 do mesmo período do ano anterior, um aumento de 38%.
VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e Região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Indaiatuba divulga calendário de maio para pagamento de auxílio municipal de R$ 130

Valor começa a ser pago no dia 12 e segue até 19 de...

Obras em viaduto alteram itinerário de duas linhas de ônibus em Campinas; veja mudanças

Alterações nas linhas 130 e 212, que atendem os terminais Vida Nova e Itajaí, respectivamente, começam na segunda-feira...

PM resgata criança e prende mãe suspeita de agressão e abandono em Campinas

Policiais militares receberam denúncia de maus-tratos; menina de 3 anos foi encaminhada ao PS São José e a...

Covid-19: Campinas abre agendamento da vacinação para maiores de 60 anos nesta quarta

Cadastro também estará disponível para trabalhadores de saúde a partir de 35 anos. Inscrição deve ser feita a...

Covid: Campinas anuncia fim da fila de pacientes à espera por leitos de UTI e enfermaria

Desde que dados foram divulgados pela primeira vez, cidade registrou fila por vagas por 47 dias seguidos. Taxa...
- Advertisement -