sábado, abril 17, 2021

Centro de Campinas tem pouco movimento no 1º dia de fase emergencial para conter avanço da Covid-19


Com fechamento das lojas da Rua 13 de Maio, principal corredor comercial da cidade, circulação reduziu na manhã desta segunda-feira (15). Novas regras impactam lojas de materiais de construção, atividades religiosas e esportivas. Veja o movimento do centro de Campinas no primeiro dia da Fase Emergencial
A primeira manhã da fase emergencial em Campinas (SP) teve redução na circulação na região central nesta segunda-feira (15). A Rua 13 de Maio, principal corredor comercial da cidade, tinha pouco movimento desde 7h .
A fase emergencial é a mais restritiva já implantada no estado de São Paulo desde o início da pandemia. Com regras mais severas que as da fase vermelha do Plano São Paulo, ela exige o fechamento de materiais de construção, além da suspensão de celebrações religiosas e eventos esportivos. Veja todas as medidas.
Além disso, o governo decretou toque de recolher entre 20h e 5h. As regras valem, em princípio, por 15 dias, mas podem ser estendidas se a situação da pandemia não melhorar.
Movimento no centro de Campinas no primeiro dia de fase emergencial
Reprodução/EPTV
Novas restrições
Atividades religiosas, como missas e cultos, não podem mais ocorrer presencialmente, mas igrejas permanecem abertas.
Campeonatos esportivos profissionais, como jogos de futebol, ficam suspensos.
Lojas de material de construção não poderão abrir.
Teletrabalho passa a ser obrigatório para todas atividades administrativas não essenciais.
Comércios não essenciais, como lojas de roupas e restaurantes, não poderão operar com serviço de retirada presencial, apenas delivery (24 horas) ou drive-thru (das 5h às 20h).
Fica proibido o uso de parques e praias em todo o estado.
Toque de recolher passa a ser das 20h às 5h em todo o estado.
Os recessos de abril e outubro na rede estadual serão antecipados.
Novas recomendações
Sugestão de escalonamento do horário de entrada de funcionários da indústria (das 5h às 7h), do comércio (das 9h às 11h) e do setor de serviços (das 7h às 9h) para evitar aglomerações no transporte público.
Uso de máscara em ambientes internos, inclusive entre familiares de residências diferentes.
Redução das atividades presenciais nas escolas ao mínimo possível.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Médica sanitarista e ex-diretora de Saúde de Campinas, Maria Haydée morre aos 69 anos

Defensora da saúde pública, Haydée também atuou como presidente do Conselho Municipal...

Em um dia, Conexão Solidária arrecada 163 toneladas de alimentos nas regiões de Campinas e Piracicaba

Terceira etapa da campanha organizada pela EPTV e prefeituras ocorreu neste sábado. Doações serão destinadas às famílias em...

Operação toque de recolher fecha 12 estabelecimentos e lacra 1 em Campinas nesta sexta

Balanço divulgado neste sábado (17) pela prefeitura mostra que, de 18 de março, data em que as fiscalizações...

Acidente em Valinhos deixa 5 feridos e mobiliza bombeiros de três cidades

Colisão entre dois veículos ocorreu na Estrada dos Jequitibás. Vítimas, dentre elas uma mulher que estaria grávida, foram...

Covid-19: cresce em 27% o número de vacinas em fase final de estudos

A corrida para o desenvolvimento de vacinas contra Covid-19 teve um aumento de 27% em novos antígenos em etapa final de testes — a...
- Advertisement -