segunda-feira, abril 12, 2021

Laboratório de Itapira acerta entrega de 'kit intubação' ao Ministério da Saúde para dar 'fôlego' de uma semana ao País


Acerto permite ao laboratório manter compromissos assumidos com hospitais privados e entrega começa nesta terça-feira (23). Após requisição, laboratório de Itapira libera medicamentos de ‘kit intubação’
Representantes do laboratório Cristália, de Itapira (SP), e do Ministério da Saúde assinaram nesta segunda-feira (22) os termos da requisição administrativa do chamado “kit intubação” para abastecer UTIs que sofrem com a alta na demanda de casos de Covid-19. Ficou acertado a entrega, a partir desta terça-feira (23), de medicamentos para abastecer emergencialmente o que Sistema Único de Saúde (SUS) precisa por uma semana.
“Nós vamos disponibilizar a quantidade de produtos solicitado pelo Ministério da Saúde para atender emergencialmente uma semana o País. Vamos dar o fôlego de uma semana para o País. Enquanto se estuda e se trabalha para aumentar essa dimensão de atendimento”, disse Ogari de Castro Pacheco, cofundador da Cristália.
A reunião que definiu a entrega dos medicamentos contou com a presença do secretário de atenção especializada à saúde do Ministério da Saúde, coronel Luiz Otávio Franco Duarte, e durou cerca de 4 horas.
Com a negociação, o laboratório garantiu a entrega dos medicamentos para o suporte dos hospitais públicos sem prejuízo dos compromissos já contratados com hospitais particulares.
Segundo Ogari, o próprio laboratório cuidará do envio dos medicamentos para intubação e contará com apoio do Ministério da Saúde para atender regiões mais longínquas.
Área do Laboratório Cristália
Reprodução / EPTV
Requisição administrativa
A medida do ministério é a mesma que Campinas (SP) usou, por exemplo, para assumir a estrutura de um hospital particular para colocar em operação leitos SUS durante a pandemia. Veja abaixo detalhes.
O Laboratório Cristália, que tem unidades em outras cidades das regiões de Campinas (SP) e Piracicaba (SP), diz que desde o início da pandemia quadruplicou a produção para atender cerca de 4 mil unidades públicas e privadas no Brasil.
“O Cristália reitera seu compromisso de empreender todos os esforços possíveis na produção e fornecimento não apenas dos medicamentos utilizados no tratamento da covid-19, mas também de drogas essenciais a pacientes de outras enfermidades, como câncer e HIV/Aids”, diz nota ao mencionar que ainda mantém compromisso com clientes, comunidade médica e com o país.
O Cristália informou que os medicamentos usados em UTIs para intubação são produzidos em um complexo de Itapira, mas não revela a capacidade de produção. Em 2019, o presidente Jair Bolsonaro esteve em uma das plantas da cidade aberta para gerar insumos de medicamentos contra o câncer.
No site oficial, o laboratório diz que produz 350 tipos de medicamentos e fornece produtos para 95% dos hospitais brasileiros. Entre os outros setores de atuação estão saúde mental e dermatologia.
O que é a requisição administrativa?
Secretário-geral da OAB Campinas explica como funciona uma requisição administrativa
VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.

Ultimas Notícias

Em 100 dias, rede municipal atende o equivalente a 11% da população de Campinas com suspeita de Covid-19

Percentual representa cerca de 133 mil pessoas que procuraram consulta médica em UBSs,...

Campinas abre agendamento da vacinação contra Covid-19 para maiores de 67 anos

Cadastro deve ser feito no site, onde será informado horário e local de aplicação. Cidade conta com cinco...

Banco de leite da Maternidade em Campinas atinge nível mais crítico da pandemia; veja como doar

Hospital tem estoque de 139 litros, volume 30,5% inferior aos 200 indicados como mínimo ideal, e reivindica doações....

Último pracinha de Campinas morre aos 101 anos: 'Legado de exemplo e dedicação à família'

Ex-combatente Justino Alfredo esteve em batalhas contra soldados nazistas na Itália durante a 2ª Guerra Mundial. Veterano enfrentava...

Em 100 dias à frente de Campinas, Dário entrega parte das ações, destaca combate à pandemia e defende lei de comissionados

Em janeiro, prefeito havia traçado plano de 72 metas, mas algumas não saíram do papel - como...
- Advertisement -