segunda-feira, março 1, 2021

Segundo suspeito de sequestro relâmpago em Campinas morre baleado pela PM após troca de tiros


Homem morto nesta quinta estava foragido; assaltantes renderam três pessoas na Rodovia Santos Dumont na quarta-feira. Um criminoso também morreu e outro foi preso. Sequestro relâmpago termina com tiroteio e morte em Campinas
Um homem de 19 anos, suspeito de participar de um sequestro relâmpago em Campinas (SP), morreu baleado após uma troca de tiros com a Polícia Militar, na manhã desta quinta-feira, (11) no Jardim Fernanda. Ele e outros dois homens renderam três pessoas na Avenida Santos Dumont na quarta (10), assumiram o veículo em que elas estavam e roubaram objetos pessoais.
Minutos depois do início do sequestro relâmpago na quarta-feira, os suspeitos foram localizados pela Polícia Militar. Um criminoso também morreu baleado após troca de tiros e outro foi preso. Já o assaltante que foi morto nesta quinta estava foragido.
Os agentes foram até o bairro para atender uma denúncia de porte ilegal de armas. Ao chegar, a PM verificou que se tratava de um dos suspeitos do sequestro relâmpago e cercou a casa onde ele estava. Segundo a corporação, o rapaz atirou primeiro contra os policiais. Ele morreu no local e a perícia foi acionada.
Pelo menos 40 policiais foram até o local da ocorrência após a morte do suspeito, mas a Polícia Militar garantiu que só dois participaram da ação.
Suspeito de sequestro relâmpago foi morto em Campinas
Divulgação/Polícia Militar
O sequestro
As vítimas foram rendidas próximo ao pedágio de Indaiatuba (SP). Eles usaram outro automóvel para fechar o carro e fazer a abordagem. Após serem acionados, os policiais iniciaram um patrulhamento pela região.
O carro das vítimas foi localizado na Rua Robles Roberto Ambrosano. Segundo a PM, um dos suspeitos começou a atirar assim que viu a viatura da corporação. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas o homem também morreu no hora.
Suspeito de sequestro relâmpago morreu em troca de tiros com a PM em Campinas
Reprodução/EPTV
As três pessoas, que trabalham em uma clínica veterinária, viajavam para São Paulo no momento que foram abordadas e ainda estavam no veículo no momento dos disparos, mas não foram atingidas. Nenhum policial ficou ferido.
A arma usada pelo suspeito foi apreendida e a ocorrência foi registrada na 2ª Delegacia Seccional de Campinas.
Vítimas foram rendidas por volta das 17h na Rodovia Santos Dumont
Jonathan Morel/EPTV
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Sebrae de Hortolândia oferece 32 vagas para curso online gratuito de circuitos elétricos residenciais

Oficina conta com duas turmas, com 16 vagas disponíveis em cada. Para participar,...

Detran realiza leilão de online com 644 veículos apreendidos em Campinas

Evento acontece nesta quinta (4) e sexta-feira (5). Entre os lotes leiloados há carros, motos e ônibus; veja...

Campinas registra 85 casos de dengue nos dois primeiros meses de 2021

Coeficiente de incidência é de sete confirmações para cada 100 mil habitantes. Regiões da cidade com mais registros...

Portal reúne lista de espécies que compõem a fauna do Ceará

Inventário inclui mais de 1.300 espécies e poderá ser atualizado com frequência por moderadores. Tartaruga-verde está entre os...

Após roubo com funcionário baleado, proprietários decidem fechar pizzaria em Americana por medo: 'não queremos mais isso'

Crime ocorreu em estabelecimento da Cidade Jardim, na noite de sábado, e dona do estabelecimento precisou entregar dinheiro....
- Advertisement -