segunda-feira, maio 17, 2021

Trabalhador fica preso entre fosso e elevador de prédio em Campinas e é socorrido para hospital


De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima teve ferimentos leves e foi encaminhada ao Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp. Ao todo, três viaturas participaram do resgate da vítima em Campinas (SP)
Luiz Felipe Longo/Arquivo Pessoal
Um técnico de elevadores ficou preso entre fosso e elevador de um prédio na tarde desta segunda-feira (19), em Campinas (SP). O caso ocorreu em um condômino na Rua Jasmim, no bairro Chácara Primavera.
Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima trabalha para uma empresa que faz manutenções em elevador. A corporação explicou que o técnico escorregou e ficou com a perna e o tórax presos.
O homem teve ferimentos leves, foi socorrido pelos bombeiros e encaminhado ao Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp. Até o fechamento da matéria o hospital não informou o estado de saúde da vítima.
VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e Região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Cidades da região de Campinas retomam vacinação contra Covid para grávidas e puérperas

Americana e Sumaré retomaram a imunização nesta segunda (17). Já Indaiatuba e Paulínia...

Filha de vítima de feminicídio em Piracicaba relata trauma do crime: 'saber que sou filha do assassino é difícil'

Crime ocorreu em 2019. Psicanalista diz que filhos de mulheres que foram mortas de forma violenta devem ter...

Santo Antônio de Posse aciona polícia após perder R$ 30 mil com furto de cabos que parou serviço de água; vídeo mostra crime

Câmera registrou momento em que furto é praticado por dois suspeitos, que ainda não foram localizados. Sem chuvas significativas há 71 dias,...

Trabalhar mais de 55 horas por semana aumenta risco de morte, diz estudo

O trabalho dignifica o homem, diz o ditado. Trabalhar demais, no entanto, pode levá-lo a uma morte prematura por doenças do coração ou um...

Trabalhar demais pode matar do coração ou de AVC, diz estudo

O trabalho dignifica o Homem, diz o ditado. Trabalhar demais, no entanto, pode levá-lo a uma morte prematura por doenças do coração ou um...
- Advertisement -