segunda-feira, abril 12, 2021

Últimas notícias de coronavírus na região de Campinas em 18 de março de 2021


Veja a atualização em cada município da área de cobertura do G1. Confira as últimas notícias sobre o coronavírus na região
Hellen Souza/Arte-G1
A partir das 20h quinta-feira, Campinas vai iniciar a aplicação de um toque de recolher com restrições a serviços essenciais, e punições mais rigorosas para quem descumprir as novas regras impostas pela prefeitura com objetivo de reduzir os indicadores da Covid-19. As medidas valem até 30 de março e são mais severas do que as já estabelecidas pelo estado na fase emergencial.
Apesar das novas restrições, a prefeitura informa que não decretou lockdown — medida que está em avaliação por todos os prefeitos da Região Metropolitana de Campinas (RMC). Uma reunião com as 20 cidades está marcada para sexta-feira (19) e deve definir a adoção ou não.
Superlotação no Caism
Operando com 127% da capacidade na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal até a tarde desta quarta-feira (17), o Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher da Unicamp (Caism), em Campinas (SP), suspendeu as internações neonatais e de obstetrícia de baixo, médio e alto risco.
Mesmo com leitos de UTI disponíveis para adultos, a superlotação compromete o atendimento de gestantes pré-termo, ou seja, que têm menos de 37 semanas gestacionais.
Caism, o Hospital da Mulher da Unicamp, em Campinas.
Reprodução/EPTV
Casos e mortes
Desde o início da pandemia, já foram contabilizados 194.822 registros positivos da doença e 4.883 mortes nos 31 municípios da área de cobertura do G1 Campinas.
MAPA: casos de coronavírus pelo Brasil
Coronavírus: veja perguntas e respostas
Vacinados
Total de pessoas que receberam ao menos 1 dose: 211.654 (6,10% da população)
Total de pessoas que receberam 2 doses: 81.955 (2,36% da população)
Total de doses aplicadas: 293.609
Primeiro na Unicamp em medicina relata estudos na pandemia
Além da Unicamp, o estudante foi aprovado no curso de medicina em outras sete universidades
Gabriel Schimitt/Arquivo Pessoal
“No começo foi mais desafiador porque a gente não estava acostumado, nem os cursinhos estavam acostumados ou preparados para a pandemia […], mas eu consegui me adaptar bem”, conta.
Felicidade e surpresa foram algumas das emoções que o estudante Gabriel Garcia Schimitt, de 18 anos, vivenciou ao descobrir que ficou em 1º lugar na lista de aprovados do curso de medicina, o mais concorrido da Unicamp, em Campinas (SP). E isso bem em um ano marcado pelo desafio da pandemia, com estudos e preparação à distância.
VÍDEOS: tudo sobre a vacinação no Brasil
Formas erradas e corretas de usar máscara de proteção contra o coronavírus
Arte/G1
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Ciclista fica ferido após ser atingido por moto e arremessado em Campinas

Acidente aconteceu na tarde deste domingo (11), na Avenida John Boyd Dunlop. Homem...

Indaiatuba abre inscrições para apresentações culturais virtuais; artistas receberão R$ 750

Interessados precisam ter 18 anos ou mais e apresentar comprovante de endereço fixo na cidade. Materiais selecionados serão...

PATs da região de Campinas ofertam 324 vagas de emprego nesta segunda-feira; veja cargos

Relação inclui postos para diversos níveis de escolaridade e oportunidades exclusivas para PCDs. Em virtude da pandemia, unidades...

Moto fica partida após condutor atingir traseira de carro na Bandeirantes, em Campinas

Acidente foi na noite de sábado (10), em pista norte. Motociclista teve lesões graves, diz polícia. Moto partiu...

Covid-19: ação em Campinas lacra bar com 60 clientes e coberto por lona para 'disfarçar' abertura

Ação conjunta da Guarda e PM no Jardim São Domingos ocorreu na noite de sábado (10), segundo prefeitura....
- Advertisement -