sexta-feira, abril 16, 2021

Valinhos determina restrição de circulação entre 20h e 5h e prevê multa para quem desobedecer


Medida tem início nesta sexta (26) e prevê autuação de R$ 186,58 para quem for flagrado descumprindo as regras. Veja o que pode funcionar no período. Vista da cidade de Valinhos, na região de Campinas.
Reprodução/EPTV
Com 100% das UTIs Covid ocupadas, Valinhos (SP) anunciou a restrição de circulação entre 20h e 5h na cidade a partir desta sexta-feira (26). A medida válida até o dia 5 de março é mais restritiva que a do estado (23h e 5h). Haverá fiscalização e multa de R$ 186,58 para quem desobedecer as regras.
Apenas profissionais em deslocamento entre casa e trabalho ou que atuam nos serviços autorizados podem circular no período. Até esta quinta-feira (25) a cidade registrou 4.820 casos entre moradores e 161 mortes por Covid.
Medidas que passam a valer nesta sexta (26):
Todos os setores de comércio e serviços podem funcionar com atendimento presencial, dentro das regras da fase amarela do Plano SP (40% de capacidade) entre 5h01 e 19h59;
Hospitais, farmácias, serviços de saúde e postos de combustíveis poderão funcionar entre 20h e 5h;
Açougues, supermercados e padarias podem funcionar entre 20h e 5h, sem a venda de bebidas alcoólicas;
Comércio, restaurantes, setor de serviços, academias, clubes, salões de beleza e instituições de ensino devem encerrar as atividades presenciais às 20h;
É permitido os serviços de delivery e drive-thru entre 20h e 5h, sem a venda de bebidas alcoólicas;
Fica proibido qualquer apresentação de música ao vivo ou com uso de equipamentos sonoros durante todo o dia, noite e madrugada.
A restrição da circulação entre 20h e 5h tem como exceção todos os profissionais que estão em deslocamento da casa/trabalho ou trabalho/casa, de todas as atividades comerciais, serviços e industriais.
De acordo com a prefeitura, a Guarda Municipal fará barreiras sanitárias para fiscalizar e verificar, se necessário, o motivo do deslocamento no período da restrição. Pessoas flagradas sem máscara ou circulando sem autorização serão autuadas em R$ 186,58.
Já os estabelecimentos que vendam bebidas alcóolicas fora do horário determinado ou organizadores e responsáveis por eventos e festas com aglomerações serão multados em R$ 4.664,50.
Transporte coletivo
A medida de restrição afeta também o transporte coletivo de Valinhos, que terá frota reduzida para o período das 20h às 5h, mas seguirá ativo “em caso de necessidade de transporte de passageiros para hospitais, UPA ou farmácias”, diz a administração.
Nos horários de pico, pela manhã e final da tarde, a prefeitura informa que solicitou à empresa responsável a colocação de mais ônibus nas linhas.
Outras cidades
Campinas (SP), maior cidade da região, também adotou medidas mais restritivas que as determinadas pelo estado. No caso da metrópole, a restrição de circulação ocorre entre 21h e 5h, e teve início na terça-feira (23).
Assim como Valinhos, a prefeitura de Hortolândia (SP) anunciou a adoção de restrição de circulação de pessoas entre 21h e 5h a partir desta sexta (26), com validade até 10 de março. “Apenas hospitais, drogarias, além de casas de saúde, clínicas, laboratórios, prontos socorros e ambulatórios poderão realizar atendimentos presenciais”, informa a administração.
Em Espírito Santo do Pinhal (SP), a restrição de circulação entre 22h e 5h tem início nesta sexta (26), com validade até 14 de março.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

Ultimas Notícias

Taxa de reprodução da Covid-19 volta a subir em Campinas, mas segue indicando regressão da pandemia

Metrópole atingiu índice de 0,9 e resultados menores que 1 sugerem que casos...

Emdec bloqueia dois trechos do Jardim Londres para obras da Sanasa neste fim de semana

Bloqueios ocorrem entre as ruas Ferdinando Panattoni e Oswaldo Oscar Barthelson e no cruzamento das vias Geraldo Nogueira...

Shoppings de Campinas reabrem a partir de domingo com horário e capacidade limitada

Estabelecimentos voltam a funcionar das 11h até às 19h, com 25% da capacidade de lotação, após prefeitura anunciar...

Maranhão cria rede de acolhimento a pessoas com sequelas da Covid-19

Pacientes com sequelas da Covid-19 vão contar com um sistema de atendimento na saúde estadual. O governador Flávio Dino anunciou, nesta sexta-feira, a implantação...

Campinas regulamenta permissão para guardas municipais usarem armas particulares em serviço

Portaria publicada nesta sexta-feira regulariza uso de equipamentos considerados 'armas curtas' além da que a corporação fornece aos...
- Advertisement -