sexta-feira, fevereiro 26, 2021

Bolsonaro lidera corrida presidencial, mas aparece numericamente atrás de Moro em segundo turno, diz XP/Ipespe

SÃO PAULO – Apesar da recente deterioração de seus níveis de aprovação, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) lidera com folga a corrida presidencial de 2022 nas simulações de primeiro turno testadas pela pesquisa XP/Ipespe, divulgada na segunda-feira (8).

Segundo o levantamento, o mandatário tem 21% das intenções de voto no cenário espontâneo – em que o eleitor aponta seu candidato sem que nomes sejam apresentados pelo entrevistador.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é o adversário mais bem posicionado, com 5% das menções.

Ele é seguido por um correligionário – o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) – e o ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), ambos com 3%.

Depois, aparece o ex-juiz federal Sérgio Moro, com 2%. O governador de São Paulo João Doria (PSDB), o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto Guilherme Boulos (PSOL) e o apresentador de televisão Luciano Huck têm 1% cada um.

Como ainda falta mais de um ano para a corrida presidencial, não há clareza sobre as candidaturas e como os partidos se movimentarão até lá. O pleito também segue distante do imaginário do eleitor. Mas o levantamento funciona como teste para nomes frequentemente especulados.

No única simulação estimulada – em que os nomes dos candidatos são apresentados ao entrevistado – Bolsonaro aparece com 28% das intenções de voto, seguido por Haddad e Moro, cada um com 12%, e por Ciro Gomes, com 11%.

Na sequência, vêm Huck, com 7%, Boulos, com 6%, e Doria, com 3%. O empresário João Amoêdo (Novo) tem 3%, mesmo percentual do ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM).

Foram feitas sete simulações de segundo turno, sendo que o nome de Bolsonaro é testado em seis delas. O presidente aparece à frente contra quatro possíveis adversários: Ciro Gomes (39% a 37%), Luciano Huck (37% a 33%), João Doria (37% a 30%), Fernando Haddad (41% a 36%) e Guilherme Boulos (42% a 31%).

Já contra Sergio Moro, o mandatário aparece numericamente em desvantagem: 36% a 32% a favor do ex-juiz. O resultado configura empate técnico, já que a margem de erro da pesquisa é de 3,2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

Em outra simulação, Moro aparece à frente de Haddad, por 43% a 29%.

A pesquisa XP/Ipespe foi realizada no período de 2 a 4 de fevereiro e ouviu 1.000 eleitores de todas as regiões do Brasil por meio de entrevistas telefônicas conduzidas por operadores. A margem máxima de erro é de 3,2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

Receba o Barômetro do Poder e tenha acesso exclusivo às expectativas dos principais analistas de risco político do país

check_circle_outline
Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline
Erro inesperado, tente novamente em instantes.

The post Bolsonaro lidera corrida presidencial, mas aparece numericamente atrás de Moro em segundo turno, diz XP/Ipespe appeared first on InfoMoney.

Ultimas Notícias

Temporal alaga vias, inunda imóveis e derruba árvores em Campinas

Maior índice de chuvas foi registrado na Avenida Orosimbo Maia, com 46 milímetros...

Vinhedo abre processo seletivo para 12 vagas temporárias para médicos; veja áreas de atuação

Oportunidades são para profissionais das áreas de clínico geral, pediatria e medicina de família. Vinhedo abriu processo seletivo...

'Se tiver vacina para comprar, vamos comprar', diz Dário ao sinalizar Campinas em consórcio

Prefeito diz que aquisição pode ser feita com repasses de ministério ou remanejamento interno. Metrópole inicia na segunda-feira...

Mogi Guaçu restringe circulação e fecha farmácias e mercados; cidade é 1ª da região a adotar medidas mais restritivas

Regras passam a valer na madrugada de terça-feira (2) e foram adotadas após aumento em casos, mortes e...

Hortolândia recebe 2ª edição de festival de grafite neste final de semana

Intervenção artística ocorre sábado e domingo, das 9h às 18h, na Unidade Cultural 'Arlindo Zadi', bairro Jardim Amanda....
- Advertisement -