terça-feira, março 2, 2021

Comissão Europeia autoriza uso da vacina de Oxford na região

A Comissão Europeia autorizou nesta sexta-feira, 29, o uso da vacina contra Covid-19 desenvolvida pela parceria Oxford-AstraZeneca em países do bloco. O aval acontece horas depois da Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês), ter liberado seu uso em pessoas a partir de 18 anos, sem limite de idade.

A decisão foi tomada em um momento crítico, em que os países da região enfrentam um aumento considerável nos casos da doença, e que há um impasse com a AstraZeneca pela disponibilização das doses adquiridas.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, publicou a notícia em sua conta no Twitter e aproveitou para dar um recado à farmacêutica: “Acabamos de autorizar a vacina da AstraZeneca no mercado da UE após uma avaliação positiva pela EMA. Espero que a empresa entregue 400 milhões de doses conforme combinado. Continuaremos fazendo todo o possível para garantir vacinas para os europeus, nossos vizinhos e parceiros em todo o mundo”.

Pelo contrato firmado com o bloco em 27 de agosto de 2020, a AstraZeneca deverá entregar 400 milhões de doses ao longo deste ano. O laboratório disse recentemente só ser capaz de produzir 25% do prometido para os europeus até março, o que gerou conflito com a Comissão Europeia. Nesta sexta-feira, 29, o CEO da AstraZeneca, Pascal Soriot, disse que falhas e atrasos na fabricação das vacinas são inevitáveis ​​devido à velocidade de seu desenvolvimento.

Como aconteceu com a vacina da Pfizer e da Moderna, já aprovadas  pelo bloco, cada um dos 27 membros da União Europeia será responsável por aplicar a vacina em seu território. A Alemanha, por exemplo, anunciou que não aplicará a vacina em idosos a partir de 65 anos. Para as autoridades e saúde do país, faltam evidências sobre a eficácia neste público. A AstraZeneca afirma que apesar da falta de dados específicos, a vacina é segura e induz a produção de anticorpos em idosos desta faixa etária.

A EMA, agência que regula medicamentos na União Europeia, concordou com a AstraZeneca e autorizou o uso do imunizante em adultos a partir de 18 anos, sem limite de idade.

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Acidente com quatro carros e um caminhão deixa idoso ferido na região central de Campinas

Batida ocorreu na tarde desta terça-feira (2) no cruzamento entre as avenidas José...

Covid: Campinas soma 12 novas mortes e total é de 1.884 vidas perdidas; casos chegam a 70,2 mil

Prefeitura registrou mais 380 casos em relação aos dados de segunda-feira. Vítimas tinham entre 52 e 93 anos...

Covid-19: Campinas decreta fase vermelha a partir desta quarta-feira

Medida foi tomada diante do aumento de casos e internações, com pressão na rede de saúde. O prefeito...

Homem que matou dois em briga por causa de lixeira depõe por 2h e deve transferido para CDP

Crime ocorreu domingo, em área rural de Artur Nogueira, após discussão sobre local de instalação do equipamento, segundo...

'Mais Médicos Campineiro' recebe mais 42 residentes; trabalho em centros de saúde começa dia 8

Médicos selecionais em instituições parceiras irão atuar com saúde da família e comunidade nas unidades de atenção básica...
- Advertisement -