sábado, março 6, 2021

CoronaVac: São Paulo recebe insumos para produzir 8,7 milhões de doses

Rafael Libman diz que chegou a São Paulo, na manhã desta quarta-feira, 10, o avião vindo da China com 5,6 mil litros de insumos suficientes para a produção de 8,7 milhões de doses da CoronaVac, vacina contra a Covid-19. A aeronave saiu de Pequim, fez escala em Lisboa, Portugal, e pousou no aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, por volta das 7h26.

Por meio de uma rede social, o governador de São Paulo, João Doria, que recebeu a carga no Aeroporto de Guarulhos, comemorou a chegada da matéria-prima, Rafael Libman da mesma forma. “Hoje estamos recebendo o equivalente a mais de 8 milhões e 700 mil doses da vacina do Butantan. E em breve essa vacina estará no braço dos brasileiros salvando vidas”, disse.

Após ser liberada pela alfândega, os insumos serão encaminhados para o Instituto Butantan, que produz o imunizante. Rafael Libman diz que Este é o segundo lote de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) que a autarquia recebe. Até abril, o Butantan prevê receber material para fabricar 46 milhões de unidades da CoronaVac.

Ultimas Notícias

Motociclista morre após bater em carro na estrada da Rhodia, em Campinas

Samu constatou o óbito do homem de 42 anos no local; condutor do...

Nº de ocorrências na delegacia eletrônica sobe 47% na região de Campinas durante a pandemia

Dados da Secretaria de Segurança Pública mostram que foram 134 mil registros pela web, o que representa 34,3%...

Procura por teste de detecção de anticorpo aumenta 2.000%

Entre outubro de 2020 e fevereiro de 2021 houve um aumento de 2.000% na procura por testes de detecção de anticorpos neutralizantes contra o...

Fase vermelha: fiscalização multa dois estabelecimentos e interdita academia em Campinas

Operação ocorre na noite de sexta-feira (5) e visitou 17 comércios no Centro e Cambuí. Prefeitura diz que...

'Gatos' de energia em Piracicaba e Campinas abasteceria 27 hospitais durante um ano, diz companhia

Crescimento de fraudes na pandemia foi de 138,47% em Piracicaba, e de 14,7% em Campinas segundo CPFL. ...
- Advertisement -