domingo, fevereiro 28, 2021

Covid-19: letalidade da doença caiu quatro pontos percentuais desde maio

A taxa de letalidade no Brasil da Covid-19 nesta segunda-feira, 12, está em 2,9%, um número quatro pontos percentuais menor do que o aferido em 3 de maio, quando os indicadores apontavam para 6,9%. Trata-se de um patamar que passou por uma franca redução ao longo da pandemia. Em agosto, por exemplo, a taxa estava em 3,4%.

Leia nesta edição: os planos do presidente para o Supremo. E mais: as profundas transformações provocadas no cotidiano pela pandemiaVEJA/VEJA

De acordo com os dados disponibilizados na plataforma digital da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, a letalidade mundial está em 2,8%, ligeiramente inferior ao aferido no Brasil. Este cálculo é baseado na taxa de mortes em decorrência da doença sobre o número de diagnósticos confirmados, deste modo é possível ter uma ideia aproximada da gravidade da doença e da eficácia dos tratamentos disponíveis. No caso da Covid-19, a redução da letalidade também aponta para outro avanço ao longo da pandemia: o aumento do número de testes, que permitiu um maior monitoramento da infecção.

Em agosto, a Organização Mundial da Saúde estimou que a real letalidade do coronavírus globalmente seria inferior aos números conhecidos, algo em torno de 0,6%. O número, no entanto, é alto se comparado com o que foi aferido durante a pandemia de H1N1 em 2009, quando a taxa de doentes que vinham a óbito era de 0,01%.

Atualmente, o Brasil tem 5.103.408 casos e 150.689 mortos registrados pela doença, de acordo com o Ministério da Saúde. Nesta segunda-feira, 12, a média móvel de novas notificações da doença foi de 25.167,6 e a de novos óbitos de 573,4. A média móvel semanal é calculada a partir da soma do número de casos e mortes nos últimos sete dias, dividida por sete – o que permite uma melhor avaliação ao encontrar um número comum de registros ao longo do período avaliado.

!function(e,t,s,i){var n=’InfogramEmbeds’,o=e.getElementsByTagName(‘script’),d=o[0],r=/^http:/.test(e.location)?’http:’:’https:’;if(/^/{2}/.test(i)&&(i=r+i),window[n]&&window[n].initialized)window[n].process&&window[n].process();else if(!e.getElementById(s)){var a=e.createElement(‘script’);a.async=1,a.id=s,a.src=i,d.parentNode.insertBefore(a,d)}}(document,0,’infogram-async’,’//e.infogr.am/js/dist/embed-loader-min.js’);

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Câmeras de segurança registram ação de suspeitos durante furto a loja de informática em Itapira

Ação da dupla causou um prejuízo de R$ 6 mil, segundo a proprietária....

Vizinhança se mobiliza para ajudar moradores do Jardim Samambaia após chuva forte em Campinas

Pelo menos 18 famílias ficaram desabrigados após a chuva que atingiu a cidade na sexta-feira (26), segundo a...

Covid-19: família de idoso registra boletim de ocorrência após falha durante vacinação em Vinhedo

Moradora relatou que enfermeira inseriu seringa vazia no braço do homem. Profissional de saúde foi ouvida na delegacia...

Campinas estuda acordo emergencial a 2 meses para fim de contrato do transporte público

Prefeitura avalia melhor formato para prestação do serviço após 29 de abril. Após ficar suspensa, nova licitação teve...

Covid-19: 91% dos brasileiros acreditam na eficácia das vacinas

Um estudo realizado pelo Instituto Locomotiva em parceria com a empresa de programa de fidelização Dotz aponta que 91% dos brasileiros acreditam que as...
- Advertisement -