terça-feira, abril 13, 2021

Covid-19: os internados em UTI agora morrem mais rápido em SP

O tempo médio para a morte de pacientes internados em UTI no sistema público no Estado de São Paulo caiu de 14,1 para 10,7 dias no último trimestre, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde e do Centro de Contingência do Coronavírus.

Um fator que pode ter agravado o cenário de acordo com a pesquisa foi a chegada da variante brasileira P1.  “Ela parece ser mais transmissível e possivelmente mais agressiva”, diz o  infectologista Carlos Magno Fortaleza, integrante do Centro de Contingência. “O quadro pode estar também associado à demora no acesso à terapia intensiva, causada pelo aumento no número de casos graves.”

Antes do cenário dramático, a letalidade havia sido progressivamente reduzida no Estado. Entre os 51,9 mil pacientes que tiveram alta de UTI,  a permanência média no leito caiu 37% na comparação entre o segundo trimestre de 2020 e o início deste ano. Mas nos últimos meses a situação voltou a dar sinais de piora. O tempo médio de internação de homens e mulheres  que morreram em UTIs do SUS  caiu 24,1%. O estudo avaliou 41,1 mil óbitos ocorridos desde o início da pandemia.

Com a ativação de mil leitos prevista para este mês e os doze novos hospitais de campanha, o número de vagas de UTI saltará para mais de 9,2 mil em abril na rede pública de saúde —  162% a mais que a disponibilidade pré-pandemia. A saúde pública do Estado depende do aporte do governo federal, que não tem sido realizado a contento. O estudo mostra que o repasse neste ano foi de 20% dos recursos necessários para custear leitos em São Paulo neste ano. 

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Avião da Azul faz pouso de emergência no Galeão após piloto relatar fumaça a bordo

Dois passageiros que se sentiram mal durante a situação precisaram ser atendidos pelo...

DIG prende suspeito e apreende fios roubados que seriam trocados por drogas em Indaiatuba

Policiais civis também localizaram porções de entorpecentes, simulacro de revólver, faca e cerca de R$ 2,5 mil em...

Em 100 dias, rede municipal atende o equivalente a 11% da população de Campinas com suspeita de Covid-19

Percentual representa cerca de 133 mil pessoas que procuraram consulta médica em UBSs, UPAs ou nos hospitais mantidos...

Campinas abre agendamento da vacinação contra Covid-19 para maiores de 67 anos

Cadastro deve ser feito no site, onde será informado horário e local de aplicação. Cidade conta com cinco...

Banco de leite da Maternidade em Campinas atinge nível mais crítico da pandemia; veja como doar

Hospital tem estoque de 139 litros, volume 30,5% inferior aos 200 indicados como mínimo ideal, e reivindica doações....
- Advertisement -