terça-feira, abril 13, 2021

Funcionária do gabinete de José Serra no Senado morre de Covid-19

Servidores do gabinete do senador José Serra (PSDB-SP) estão consternados com a morte de uma funcionária terceirizada que atuava como copeira no local, mais uma vítima da Covid-19. Além da trabalhadora, que não teve o nome divulgado, outros dois servidores do escritório paulista de Serra, que foi ministro da Saúde, estão em estado grave em decorrência do coronavírus.

Integrante do grupo de risco aos 79 anos, Serra liberou seu servidores para o home office desde o ano passado.

A triste notícia desta quinta-feira se junta à morte de outros senadores por Covid-19 ao longo da pandemia, sendo a mais recente a de Major Olímpio (PSL-SP), há três semanas. Ao saber da morte da funcionária terceirizada, o gabinete do senador Marcos Rogério (DEM-RO) aproveitou para informar que também perdeu uma servidora para a doença, em Rondônia.

Enquanto isso, a CPI da Covid no Senado permanece travada graças à inação do presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Avião da Azul faz pouso de emergência no Galeão após piloto relatar fumaça a bordo

Dois passageiros que se sentiram mal durante a situação precisaram ser atendidos pelo...

DIG prende suspeito e apreende fios roubados que seriam trocados por drogas em Indaiatuba

Policiais civis também localizaram porções de entorpecentes, simulacro de revólver, faca e cerca de R$ 2,5 mil em...

Em 100 dias, rede municipal atende o equivalente a 11% da população de Campinas com suspeita de Covid-19

Percentual representa cerca de 133 mil pessoas que procuraram consulta médica em UBSs, UPAs ou nos hospitais mantidos...

Campinas abre agendamento da vacinação contra Covid-19 para maiores de 67 anos

Cadastro deve ser feito no site, onde será informado horário e local de aplicação. Cidade conta com cinco...

Banco de leite da Maternidade em Campinas atinge nível mais crítico da pandemia; veja como doar

Hospital tem estoque de 139 litros, volume 30,5% inferior aos 200 indicados como mínimo ideal, e reivindica doações....
- Advertisement -