sábado, fevereiro 27, 2021

Maior parte de SP volta para fase amarela até dia 31

A maior parte do estado de São Paulo voltou à fase amarela do Plano São Paulo nesta segunda-feira, 28, após três dias de restrição máxima, durante o natal. Apenas a região de Presidente Prudente deverá permanecer na fase vermelha entre 28 e 31 de dezembro.

O plano do governo João Doria para o final de ano prevê períodos de liberação intercalados com aumento da restrição, em modelo semelhante ao adotado pela Itália. Até 24 de janeiro, as demais regiões do estado – exceto Presidente Prudente – estavam na fase amarela. Entre 25 e 27, houve a reclassificação para a fase vermelha. Medida que voltará a valer nos dias 1, 2 e 3 de janeiro.

Na fase vermelha, a mais restritiva do plano de flexibilização da economia, apenas atividades essenciais, como farmácias, serviços de saúde e supermercados podem funcionar. Restaurantes e outros serviços de alimentação apenas podem atender em regime de delivery ou retirada. Já a fase amarela libera o funcionamento dos serviços acima, além do comércio de rua, shoppings, bares e restaurantes com atendimento no local, parques, clubes, salões de beleza e academias, desde que respeitadas as regras de higiene e distanciamento social.

A nova determinação do governo Doria foi anunciada na semana passada, devido ao temor de uma possível explosão do número de casos e mortes por Covid-19 após as festas de fim de ano. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, o número de novos casos da doença em dezembro é seis vezes maior que nos três primeiros meses da pandemia.

Apesar da restrição, diversas cidades do estado não acataram a ordem do governo estadual de endurecer a atividade econômica durante o natal. Foram elas: Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos, São Vicente, São Sebastião, Caraguatatuba, Ubatuba, Ilhabela, Mogi das Cruzes, Cotia, Bauru, Olímpia, Catanduva e Socorro.

Mais doses da CoronaVac chegam a São Paulo

Nesta segunda-feira, 28, um novo lote com mais 500.000 doses da vacina CoronaVac chegaram a São Paulo. A carga desembarcou no fim da manhã, no aeroporto de Guarulhos, em um voo da Turkish Airlines, que saiu de Pequim, na China, e fez escala na Turquia. Segundo informações do governo do estado de São Paulo, todo o lote é composto por doses já prontas para a aplicação. Na próxima quarta-feira, 30, será entregue o sexto lote com 1,5 milhão de doses prontas.

Continua após a publicidade

Ultimas Notícias

Estiva Gerbi determina fechamento de serviços não essenciais neste fim de semana

Decreto foi publicado no Semanário Oficial desta sexta-feira (29). Estabelecimentos que descumprirem a...

Temporal alaga vias, inunda imóveis e derruba árvores em Campinas

Maior índice de chuvas foi registrado na Avenida Orosimbo Maia, com 46 milímetros até as 18h30, segundo a...

Vinhedo abre processo seletivo para 12 vagas temporárias para médicos; veja áreas de atuação

Oportunidades são para profissionais das áreas de clínico geral, pediatria e medicina de família. Vinhedo abriu processo seletivo...

'Se tiver vacina para comprar, vamos comprar', diz Dário ao sinalizar Campinas em consórcio

Prefeito diz que aquisição pode ser feita com repasses de ministério ou remanejamento interno. Metrópole inicia na segunda-feira...

Mogi Guaçu restringe circulação e fecha farmácias e mercados; cidade é 1ª da região a adotar medidas mais restritivas

Regras passam a valer na madrugada de terça-feira (2) e foram adotadas após aumento em casos, mortes e...
- Advertisement -